Perseverando no Cristo Ressurreto – LC: 24:1-12

1 de abril de 2018
Perseverando no Cristo Ressurreto – LC: 24:1-12
  1. Perfil das mulheres citadas na narrativa da ressurreição (v. 1a)
    • Prestaram assistência com os seus bens a Jesus (Lc 8:1-3)
    • Viram a crucificação de Jesus (Lc 23:49)
    • Viram o sepultamento de Jesus (Lc 23:55)
    • Seus nomes: Maria Madalena; Joana; Maria – mãe de Tiago (v. 10)e Salomé (Mc 16:4)
  2. O alvo das mulheres: demonstrar carinho (v. 1b)
  3. A  preocupação das mulheres
    Quem nos removerá a pedra” (Mc 16:3)

    • A pedra era muito grande (Mc 16:4)
    • A  pedra estava selada (Mt 27:66)
    • A pedra era guardada por soldados (Mt 27:65-66)
  4. Aplicação: quem removerá a nossa pedra?
    • “No meio do caminho tinha uma pedra, tinha uma pedra no meio do caminho. Tinha uma pedra no meio do caminho, tinha uma pedra. Nunca me esquecerei desse acontecimento na vida de minhas retinas tão fatigadas. Nunca me esquecerei que no caminho tinha uma pedra.” (Carlos Drumond de Andrade)
    • Nossas pedras: desencanto com a vida, religião, sociedade, conosco mesmos; indefinição sentimental, profissional, comunitária; limites físicos e emocionais (sentimento de culpa, solidão, depressão, ferida interior, amor não correspondido, conflitos relacionais, calúnia, perseguição, injustiça)….
  5. As duas surpresas das mulheres (v. 2-3)
    • A  pedra estava removida (v. 2, Mc 16:4)
    • O corpo de Jesus não estava no túmulo (v. 3)
  6. Implicação da ressurreição para nós hoje: somos desafiados a PERSEVERAR NO CRISTO RESSURRETO…

I – PERSEVERAR NO CRISTO RESSURRETO PORQUE SE A PEDRA MAIOR FOI REMOVIDA, AS DEMAIS PEDRAS MENORES TAMBÉM SERÃO REMOVIDAS (v. 1-3)

  1. A pedra do túmulo era uma grande pedra (Mc 16:4)
  2. A  pedra da morte é a maior de todas as pedras da existência
    • Inevitável (“tú  és pó e a ao pó haverás de te tornar”)
    • Está sempre nos rondando (Timóteo – filho do Jean)
    • Fragiliza (minha mãe)
    • Faz-nos iguais (Ghandi, Che Guevara, Martin Luther King, Joaquim, José, Pedro…)
  3. Jesus removeu pelo poder do Pai a pedra da morte:
    • Porque Ele cumpriu a justiça divina (I Co 15:56 “o aguilhão da morte é o pecado e a força do pecado é a lei”)
    • Porque Ele sendo a vida não podia ser retido pela morte (At 2:22-24 “Varões israelitas, atendei a estas palavras; Jesus, o Nazareno, varão aprovado por Deus diante de vós com milagres, prodígios e sinais, os quais o próprio Deus realizou por intermédio dele entre vós, como vós mesmo sabeis; sendo este entregue pelo determinado desígnio de presciência de Deus, vós o matastes, crucificando-o por mãos de iníquos; ao qual, porém, Deus ressuscitou, rompendo os grilhões da morte; porquanto não era possível que ele fosse retido por ela”
  4. Jesus remove hoje a pedra da morte para quem Nele crê
    • Tipos de morte: física; espiritual (Ef 2:1); eterna (I Jo 5:13) – Jesus remove  a morte espiritual e eterna…
    • I Co 15:55, 57 (“Onde está, óh morte, a tua vitória, onde está óh morte o teu aguilhão?…… Graças a Deus que nos dá a vitória por intermédio de Nosso Senhor Jesus Cristo”)
  5. Se Jesus remove a pedra maior remove também as pedras menores
    • Ef 1:3; I Co 1:30; Rom 8:32
  6. Há Alguém aqui hoje que quer remover a sua pedra….

II – PERSEVERAR NO CRISTO RESSURRETO PORQUE SE A PALAVRA MAIOR FOI CUMPRIDA, AS DEMAIS PALAVRAS TAMBÉM O SERÃO (v. 4-8)

  1. As mulheres tiveram outra surpresa: a presença dos anjos (v. 4)
    • Sentimento de perplexidade….
  2. Os anjos, delicadamente, exortaram as mulheres (v. 5b-7)
    • “A intenção de vocês foi boa, mas o pressuposto foi falso” (v. 5b)
    • “Entre a palavra de Jesus e as circunstâncias vocês preferiram ficar com as circunstâncias”
      • Eram mulheres extraordinárias, mas, assim como nós, frágeis na sua fé….
  3. A maior palavra de Jesus foi a promessa de Sua ressurreição
    • Jo 2:18-22; Jo 10:17-18; 11:25-26; Jo 14:1-3
    • Se Jesus não tivesse ressuscitado sua palavra valeria tanto quanto a de um louco…
  4. As mulheres discerniram esta palavra maior de Jesus (v. 8)
  5. O poder da ressurreição é o poder da PALAVRA
    • Jo 11 (“Lázaro, vem para fora”); Col 3:16; Lc 5:5; Jo 6:66-69).

CONCLUSÃO

Se a pedra maior foi removida e a palavra maior foi cumprida:

  • Precisamos anunciar a ressurreição do Senhor (v. 9-10a)
  • Precisamos confirmar a ressurreição do Senhor (v. 10b)
  • Precisamos crer no Senhor e na sua ressurreição (v. 11)
  • Precisamos maravilhar com o Senhor e sua ressurreição (v. 12).

Pr. Jair Francisco Macedo
Pregado em 01/04/2018

     

Deixa seu comentário

Your email address will not be published.